Editora Nobel

Bem-vindo!

Você está agora em:

VISCONDE DE GUARATINGUETÁ: UM FAZENDEIRO DE CAFÉ

Duplo clique na imagem acima para visualizá-la maior

Reduzir
Aumentar

VISCONDE DE GUARATINGUETÁ: UM FAZENDEIRO DE CAFÉ

Enviar para um amigo

Seja o primeiro a comentar este produto

Disponibilidade: Esgotado.

R$74,90

Descrição Rápida

Gênero: ARTE, ARQUITETURA E CIÊNCIAS HUMANAS
Autor: MOURA, CARLOS EUGÊNIO M. DE
Marca/Selo: *STUDIO NOBEL (ET)
Páginas: 304
Formato: 17.8 x 26.5

Descrição do Produto

Um estudo de ascensão social na economia do café, na região de Guaratinguetá, Vale do Paraíba - eis o tema deste livro. Foi na localidade de Areias que o café, florescente na região de Rezende, penetrou na vertente paulista do Vale, ali gerando um pólo de riqueza que teve uma duração de mais de meio século. Dessa passada grandeza perduram algumas sedes de fazendas e equipamentos, marcos de um passado glorioso, que tirou São Paulo do marasmo colonial e projetou a Província e, mais tarde, o Estado, nos quadros da economia nacional. O fazendeiro de café Francisco de Assis e Oliveira Borges (Guaratinguetá, 1806 - São Paulo, 1879) é a personalidade central deste estudo. Suas origens familiares, modestas, não deixariam supor que ele alcançaria as mais elevadas posições na estrutura social, ao tornar-se um dos mais abastados cafeicultores da Província, detentor do poder político e econômico não só em sua comunidade, mas em todo o Vale do Paraíba. Na qualidade de Comandante Superior da Guarda Nacional, controlava essa organização paramilitar, de grande prestígio. Exerceu atividades no campo da assistência social, contribuindo substancialmente para a fundação da Santa Casa de Misericórdia local e para a manutenção do Asilo Bom Pastor, obra singular para a época, que tinha por objetivo a reinserção social de prostitutas. Como tantos outros fazendeiros de seu meio, auxiliou o governo durante a Guerra do Paraguai. Tinha, portanto, o perfil ideal para ser agraciado com títulos de nobreza, tornando-se sucessivamente dignitário da Ordem da Rosa, Barão de Guaratinguetá, Visconde do mesmo título e Grande do Império. O livro traz documentação inédita sobre a economia do café no Vale do Paraíba, com a transcrição parcial do conteúdo de cerca de seiscentos inventários de fazendeiros da região, cobrindo o período de 1817 a 1884. Nele também se descreve a genealogia ascendente e descendente do Visconde de Guaratinguetá.

Informações Adicionais

Gênero ARTE, ARQUITETURA E CIÊNCIAS HUMANAS
Autor MOURA, CARLOS EUGÊNIO M. DE
Marca / Selo *STUDIO NOBEL (ET)
ISBN / EAN 9788575530078

Tags do Produto

Acrescentar suas Tags:
Utilize espaços para separar tags. Utilize aspas simples (') para frases.
 

Meu Carrinho

Você não tem itens no seu carrinho de compras.

Comparar Produtos

Você não tem itens para comparar.